Como escolher o ramo de atividade de uma empresa

Deixar um comentário

Abrir uma empresa não é uma tarefa fácil. Além de todos os trâmites legais, o empresário ainda precisa tomar diversas decisões, como escolher nome, ramo de atividade, definir missões e valores, entre outras. Uma das mais difíceis é escolher o ramo da atividade da empresa. Esta é uma decisão que vai impactar diretamente em todas as outras.

Para te ajudar nesta missão, confira abaixo um passo a passo.

Passo a passo para escolher o ramo de atividade da empresa

Potencial de mercado

O ramo de atividade de uma empresa deve ser escolhido com base nas oportunidades de mercado da área de atuação escolhida. Escolher um ramo já saturado não adianta, a não ser que a empresa apresente um diferencial de impacto.

Oportunidade

Quando aparece uma oportunidade única, aproveite! Nestes casos, é mais simples escolher o ramo de atividade de uma empresa. Por exemplo, não existem muitas lojas de material de construção na sua cidade e estão sendo lançados vários loteamentos. Existe aí uma grande oportunidade para quem deseja empreender e gosta de comércio. Avalie com cuidado.

Dois jovens executivos sentados conversando
O ramo de atividade deve ser escolhido com base nas oportunidades de mercado da área. Foto: iStock, Getty Images

Investimento

Alguns tipos de negócio demandam mais investimentos. Por isso, antes de escolher, verifique o quanto você pode ou está disposto a investir para tirar o projeto do papel. Uma empresa de prestação de serviços, por exemplo, costuma demandar menos investimento inicial, o mesmo não vale para empresas que revendem produtos.

Tempo estimado

O empreendedor também deve levar em consideração o tempo de retorno do investimento. Avalie de acordo com as suas necessidades, tenha paciência e trabalhe duro. Organização financeira é fundamental para fazer esse cálculo com mais precisão.

Conhecimento

O empreendedor deve escolher um ramo de atividade que conheça bem e tenha afinidade. Se não, vale se informar muito bem antes e estudar muito para compreender para onde vai o seu investimento. Isto pode fazer grande diferença para o sucesso do empreendimento e definir os rumos do seu negócio. Não se jogue em território totalmente desconhecido.

Essas são os fatores mais críticos que devem ser levados em consideração na hora de escolher o ramo de atividade de uma empresa.

Confira abaixo dicas para facilitar esta escolha.

Dicas

– Defina o segmento no qual deseja atuar e anote as vantagens e desvantagens de forma clara e objetiva. Se estiver em dúvida, faça isso para cada uma das áreas que deseja. Assim, conseguirá tomar uma decisão mais apropriada.

– Elabore um plano de negócios detalhado. Entenda todos os detalhes do seu produto ou serviço e como ele vai ser convertido em lucro.

– Faça um curso de empreendedorismo. Instituições como o SEBRAE oferecem cursos e até mesmo consultorias para auxiliar os empreendedores. Invista em você! Assim, terá mais facilidade em definir a área de atuação da sua empresa.

Com esse passo a passo e essas dicas pode ser muito mais fácil definir o ramo de atuação de sua empresa.

O que achou? Compartilhe nos comentários.

Matérias relacionadas

Confira três desafios que empreendedores enfrentam no primeiro ano de um negócio

Atenção à atividade econômica é essencial na hora de tirar o CNPJ

Saiba como escolher o ponto de venda mais adequado