Como montar uma oficina mecânica em 6 passos

Deixar um comentário

Foi-se o tempo em que, para abrir uma oficina mecânica de sucesso, bastava ter um grande conhecimento em carros. Cada vez mais é importante apresentar diferenciais em relação à concorrência. Confira 6 passos para montar uma oficina competitiva.

Dicas para montar uma oficina mecânica de destaque

1. Defina os serviços que irá prestar

Os serviços de uma oficina mecânica incluem troca de óleo e lubrificantes, alinhamento e balanceamento, mecânica geral, regulagem de motores, do sistema de freios, da suspensão, do ar-condicionado, do escapamento, da direção hidráulica, dos sistemas de injeção, etc.

Antigamente, o mecânico era tratado como um profissional que deveria ser da confiança do cliente par resolver todos os problemas relacionados com o carro dele. Hoje, cada vez mais as oficinas mecânicas estão se especializando e focando em apenas alguns desses serviços.

oficina mecânica
Apostar na especialização é uma dos caminhos para ter uma oficina mecânica de sucesso. Foto: iStock, Getty Images

2. Escolha a equipe

O número de funcionários necessários vai depender de quais os serviços que a sua oficina mecânica prestará. Em geral, é essencial contar com pessoas para atender os clientes, cuidar do setor administrativo, realizar consertos mecânicos, balanceamento e alinhamento, e cuidar da parte elétrica. O treinamento constante é vital, especialmente se você deseja focar o negócio em algumas especialidades.

3. Escolha a localização

A localização é um dos fatores determinantes para o sucesso de uma oficina mecânica e deve levar em conta questões como: público-alvo, população dos arredores, concorrência estabelecida na região, condições do imóvel e vias de acesso. É interessante instalar a oficina mecânica próximo a negócios relacionados, como concessionárias, lojas de carros usados, funilarias, etc.

4. Monte a estrutura

Uma oficina mecânica vai sempre precisar de, no mínimo, uma garagem de tamanho suficiente para atender mais de um carro ao mesmo tempo e um escritório para receber clientes.

Em termos de equipamento, além de material de escritório, é importante contar com rampa para troca de óleo, alinhador de farol, macaco tipo jacaré, prensa hidráulica, máquina de solda, balanceadora computadorizada, alinhador de direção, calibrador de pneus, elevador automotivo, macaco hidráulico para caixa de transmissão, máquina de limpeza, ferramentas necessárias para executar o trabalho, etc.

5. Organize os processos

Em geral, os processos produtivos de uma oficina mecânica são: atendimento ao cliente, avaliação e diagnóstico, reparo do veículo e a administração do negócio em si, o que pode ser facilitado pela utilização de sistemas informatizados de gestão.

Uma das características de uma oficina mecânica é que não exige a preocupação constante com compra de matéria-prima – em geral, necessita de insumos como óleos, lubrificantes, peças de reposição, etc.

O giro de estoque é uma preocupação apenas se você quiser se destacar no mercado com uma entrega rápida do serviço. Por outro lado, esse tipo de negócio requer constantemente atração de novos clientes.

6. Diferencie-se

Especialmente em grandes cidades, a concorrência entre oficinas mecânicas é grande. Por isso, como vimos, muitos proprietários estão buscando o caminho da especialização.

Além disso, para agregar valor ao negócio, pode-se tornar representante de uma montadora, buscar o carro na casa do cliente, credenciar-se a seguradoras, realizar serviços expressos de reparos, fazer personalização e tunning, especializar-se em carros de luxo, investir em áreas de espera do cliente e outros diferenciais.

Se você tem alguma dúvida ou sugestão sobre o assunto, deixe um comentário abaixo e contribua com a troca de ideias. Não esqueça de compartilhar esse artigo com seus seguidores nas redes sociais.

Matérias relacionadas:

Como abrir uma empresa no exterior

Saiba como abrir uma loja de acessórios e conheça as particularidades do mercado

Como abrir franquia Mc Donalds

Como abrir uma importadora: conheça os desafios do setor

Como abrir um salão de beleza: 6 passos essenciais para o sucesso