Documentos para exportação: aprenda a expandir seu negócio

Deixar um comentário

Sua empresa está crescendo, você começou a pesquisar e descobriu que existe uma demanda pelo seu produto em outros países. Talvez esteja na hora de exportar. Mas como fazer isso? Confira algumas dicas para ampliar suas vendas no exterior e veja quais são os documentos para exportação.

Planejando as exportações

Antes de já ir providenciando os documentos para exportação, você precisa passar por algumas etapas para vender para fora do país. O primeiro passo, é claro, é o planejamento.

Para exportar, você deve estar ciente de que deve ter uma escala maior de produção e vendas e separar parte da produção para o mercado interno e outra para o mercado externo. Além disso, pode ser necessário alterar o contrato social da sua empresa, acrescentando na finalidade a atividade exportação.

documentos para exportação
Antes de vender para fora do país, o planejamento é fundamental. Foto: iStock, Getty Images

Converse com parceiros que podem ajudá-lo nesse processo: secretarias de Comércio Exterior e agências de incentivo à exportação podem dar dicas preciosas para quem está começando.

Pesquisar o mercado internacional para avaliar seus concorrentes internos e externos é outro passo importante. Faça uso da internet para descobrir se existem barreiras técnicas para seu produto e para conhecer a cultura, os hábitos e a economia do país escolhido; além de negociar frete, seguro, embarque e desembarque de produtos.

Quais os documentos para exportação?

Confira, abaixo, alguns dos documentos para exportação necessários para expandir as vendas da sua empresa para o exterior.

Fatura Pró-Forma

Esse documento deve ser apresentado pelo exportador ao importador em inglês ou no idioma do país de origem. Pode ser um fax, um contrato formal ou um formulário, que deve conter informações para o fechamento do negócio. Entre elas a quantidade, preço, transporte, embalagem e forma de pagamento, condições de venda. Isso é necessário para que o importador possa abrir uma carta de crédito para remessa de valores.

Nota fiscal

Esse documento deve acompanhar a mercadoria desde a saída do seu estabelecimento até a chegada no local de embarque para o exterior.

Fatura Comercial (Commercial Invoice)

Esse documento para exportação representa a operação comercial. Ele deve conter todas as informações iniciais que foram declaradas na fatura pró-forma, além de outras que confirmem a realização da exportação. A Fatura Comercial representa a operação comercial e serve para formalizar a transferência de propriedade da mercadoria para o comprador.

Conhecimento ou Certificado de Embarque

Emitido pela companhia transportadora ou seu agente, representa o contrato de transporte e o comprovante de entrega da mercadoria, constituindo a prova do embarque.

Romaneio (Packing List)

Preenchido pelo exportador, lista os volumes e descreve seus conteúdos.

Certificado de Origem (Certificate of Origin)

Esse documento atesta que o produto é efetivamente originário do país exportador.

Se você tem alguma dúvida ou sugestão sobre o assunto, deixe um comentário abaixo e contribua com a troca de ideias. Não esqueça de compartilhar esse artigo com seus seguidores nas redes sociais.

Matérias relacionadas:

Exportação: confira 8 dicas para vender para o exterior

Saiba mais sobre as modalidades de exportação de serviços

Conheça razões para exportar serviços e cuidados com a prática

Exportação em foco: como a alta do dólar afeta as empresas

Saiba quais são as vantagens de vender serviços ao exterior