Expense Reduction Analysts: conheça a rede de franquias de “caçadores de gastos”

Deixar um comentário

Você já pensou em ganhar dinheiro com uma empresa que ajuda outras a conter custos? Esse é justamente o mote da Expense Reduction Analysts, rede de franquias que busca atrair executivos cansados das longas jornadas no ambiente corporativo e com experiência na arte de “caçar gastos”.

O que é a Expense Reduction Analysts?

Expense Reduction Analysts (ERA) é uma rede de consultorias de redução de custos para empresas, fundada em 1992, na Inglaterra, por Fred Marfleet, e que já está presente em 30 países com cerca de 700 franquias.

Ela foi trazida para o Brasil em 2004, pelo empresário Fernando Macedo, que atualmente é responsável por subfranquiar o negócio no País, e já está presente em São Paulo, São Bernardo do Campo, Alphaville, Campinas, Piracicaba, Porto Alegre e Rio de Janeiro, com 11 unidades no total.

Expense Reduction Analysts é franquia para caçadores de gastos
Rede inglesa consultorias ganham dinheiro apenas quando os custos são realmente cortados. iStock, Getty Images

Qual o serviço?

O serviço prestado pela Expense Reduction Analysts consiste em fazer uma análise de custos da empresa contratante e oferecer um relatório indicando áreas em que é possível reduzir, renegociar a economizar, o que pode ser feito através da reformulação de contratos de fornecedores, readequação de tarifas – como água, luz e telefone -, melhor planejamento de compras e a até redução no cafezinho.

Ao todo, Expense Reduction Analysts avalia 40 itens, mas não apresenta cortes de funcionários para solução para redução de gastos.

Após a entrega do relatório, a ERA ainda deve assessorar a empresa contratante a implementar as soluções apontadas no relatório e monitorar resultados por 24 meses.

O modelo de negócio da empresa é simples: uma franquia da Expense Reduction Analysts só ganha dinheiro quando consegue fazer seus clientes reduzirem custos – nesse caso, recebem 50% do valor economizado. Caso não consigam, não recebem horários ou cobram qualquer tipo de taxa.

“Temos franqueados que conseguiram, após uma análise que envolveu diversos custos em diferentes departamentos de uma empresa, fazer os empresários economizarem até R$ 1 milhão e, com isso, ganharam R$ 500 mil com um único cliente”, explica Macedo.

Como se tornar um franqueado

Ficou interessado em se tornar um “caçador de gastos”? Abrir uma franquia da Expense Reduction Analysts exige gastos iniciais de cerca de R$ 135 mil, o que inclui a Taxa de Franquia (R$ 105 mil), treinamento presencial na Inglaterra (US$ 5 mil) e gastos estimados com a viagem para esse treinamento.

Quando a franquia já estiver em operação, o franqueado também deve pagar à rede a Taxa de Royalties (18% sobre o faturamento bruto) e Taxa de Propaganda (2% sobre o faturamento).

As vantagens para quem deseja entrar nesse mercado são a não necessidade de capital giro, especialmente porque não é preciso comprar estoques, a possibilidade do franqueado trabalhar de casa e não contar com funcionários e ainda o potencial para obter alta rentabilidade atrelada aos resultados de redução de despesas.

Para isso, ele poderá aplicar a metodologia desenvolvida pela ERA e apreendida no treinamento e também desenvolver a capacidade própria para encontrar oportunidades de redução e otimização de gastos.

Se você tem alguma dúvida ou sugestão sobre o assunto, deixe um comentário abaixo e contribua com a troca de ideias. Não esqueça de compartilhar esse artigo com seus seguidores nas redes sociais.