Food bikes: conheça a nova tendência das ruas de São Paulo

Deixar um comentário

Food trucks se tornaram uma grande febre no Brasil nos últimos anos. O mercado de comidas de rua mais elaboradas teve um boom especialmente em 2014, espalhando-se pelas principais capitais do País. Na esteira do sucesso desses negócios, começam a ganhar força uma nova opção, mais fácil e barata de montar: as food bikes.

Para quem deseja entrar no comércio de comida de rua, food bikes são uma alternativa mais segura, mais fácil de se estabelecer legalmente, mais ecologicamente responsável e, especialmente, mais baratas. Enquanto um food truck custa ao menos algumas dezenas de milhares de reais para instalar – nas versões mais simples -, é possível montar uma elaborada food bike com cerca de R$ 5 mil.

Obviamente, com as food bikes não é possível ter uma produção de alimentos na escala de um food truck, muito menos de um restaurante convencional. Mas, ao mesmo tempo, os custos de manutenção são muito menores e a necessidade de pessoal é quase nula – podem ser empreendimentos de uma pessoa só.

food-bikes
Vender comida de rua em bicicletas é uma opção mais barata do que os food trucks. Foto: Bike Burguer, Divulgação

Como montar uma food bike

A organização americana Climate CoLab elaborou um estudo sobre as food bikes e indicou algumas características essenciais para levar em consideração na hora de montar um negócio do tipo:

  • Por terem custos menores, devem oferecer preços mais baratos que food trucks;
  • Devem ser autossuficientes – uma pessoa deve poder operar uma food bike sem a assistência de outros;
  • Atenção à segurança. Todo o equipamento não deve ocupar mais espaço do que uma faixa de bicicletas. O veículo também deve contar com freios e luzes em dia.
  • A bicicleta deve ser ergonômica, para não causar problemas físicos ao ciclista, que também é vendedor e cozinheiro.

Benefícios das food bikes

O Climate CoLab também elencou os quatro benefícios que as food bikes trazem para as cidades:

  • Diminuem o consumo de combustível fóssil e emissões de gases;
  • Utilizam o espaço público de forma mais eficiente;
  • Ajudam a chamar atenção para os benefícios que a utilização da bicicleta traz para a saúde;
  • Ajudam a divulgar de onde a comida vem e como é preparada.

9 opções em São Paulo

O site Hypeness elencou 9 food bikes que estão fazendo sucesso na capital capitalista:

1. Bike Burguer: é um triciclo totalmente equipado para oferecer hambúrgueres artesanais e costuma parar diariamente na esquina da Alameda Rio Claro com a Av. Paulista.

2. Le Sacolé: bicicleta especializada em sabores diferentes para os tradicionais sacolés, incluindo opções alcoólicas.

3. Bolô Cherrie: especializada em bolos, granolas e bolachas sem glúten e lactose.

4. The Traveling Family Company: é uma espécie de bar sob duas rodas. Oferece diversos tipos de drinks e petiscos.

5. Pudim a gosto: oferece múltiplos sabores de pudins. Também traz mini pudins para quem não deseja abusar no doce.

6. Bike Café: É uma verdadeira cafeteria expressa. Além da bebida, oferece doces e pães de queijo.

7. Brownie Affair: Busca atrair os clientes com diversos sabores de brownie.

8. BrigaderÔ: especializada em versões caprichadas dos tradicionais docinhos.

9. Los Mendozitos: Boa opção para quem deseja apreciar uma boa taça de vinho ao ar livre.

Comentários

  1. Carlos S dice:

    Poxa, que bacana. Vou agendar aqui para conhecer pelo menos uma no próximo fim de semana.