O que é media training e quais as vantagens para a empresa

Deixar um comentário

Na sua empresa, existem pessoas preparadas para dar entrevistas, atender à imprensa e lidar com momentos de crise em que toda a credibilidade do seu negócio ameaça ir por água abaixo? Se a sua resposta for não, talvez esteja na hora de descobrir o que é media training e como esse serviço pode ser útil para a sua empresa.

O que é media training?

O media training, como o próprio nome diz, é um treinamento para preparar funcionários ou executivos para lidar com a mídia. Esse treinamento forma porta-vozes com capacidade de se relacionar com jornalistas, seja em entrevistas, em eventos ou em almoços de relacionamento.

O treinamento oferece maior conhecimento sobre como funciona o jornalismo e ensina aos porta-vozes as principais estratégias dos repórteres, as características de cada veículo e as técnicas para conceder uma boa entrevista. Além de ensinar o que falar, o media training também mostra o que não deve ser dito e como fugir de perguntas difíceis.

O que é media training
No media training, um executivo aprende a dar boas entrevistas. Foto: iStock, Getty Images

Por isso, o media training ajuda a evitar enganos, aumenta a capacidade para produção de matérias mais assertivas, contribui para a conquista de credibilidade do porta-voz e para o fortalecimento da boa imagem e da reputação necessária para toda e qualquer organização ou pessoa pública.

Como funciona o treinamento?

Agora você já sabe o que é media traing, mas para quem se destina e como ele funciona na prática? O treinamento é indicado para executivos, diretores e presidentes, ou todos que falam em nome da empresa.

“O media training pode ser ministrado durante um dia inteiro, seguindo geralmente esse roteiro: entrevista com o porta-voz, feita por um jornalista que esteja atuando em um veículo, para uma avaliação inicial; palestra com um assessor de imprensa experiente, que irá explicar sobre o funcionamento da imprensa e qual o caminho ideal para se relacionar com os jornalistas, além de focar nas key messages da empresa que deverão sempre ser mencionadas. Por último, é feita uma segunda simulação de entrevista com o mesmo profissional de imprensa”, exemplifica o assessor de imprensa Alan Mariasch.

Contratando um media training

É importante contratar um media-training quando a empresa começar a ter interesse em aparecer na mídia ou quando a própria imprensa começar a ter interesse espontâneo da companhia. Isso acontece tanto em negócios que são inovadores quanto em momentos de crise. Como momentos de crise são muito difíceis de serem previstos, o essencial é ter porta-vozes preparados para atender a imprensa.

Para a jornalista e especialista em Marketing Clarice Pereira, ter o auxílio de uma assessoria especializada é um instrumento valioso, pois ela executa o papel de facilitador de relacionamento entre a empresa e a mídia, por meio da divulgação inequívoca dos acontecimentos.

Como resultado, a organização vira fonte de referência para a mídia e, com isso, poderá atingir positivamente o seu público-alvo, seja ele composto por funcionários, clientes, fornecedores, sociedade ou autoridades.

De acordo com a jornalista, contar com o apoio de uma equipe de comunicação especializada que conheça os critérios jornalísticos é a garantia de zelar pela imagem, conquistar credibilidade, ganhar mais visibilidade e ter contato com os formadores de opinião. “Antes de tudo, seja uma fonte de informação confiável”, recomenda a profissional.

Se você tem alguma dúvida ou sugestão sobre o assunto, deixe um comentário abaixo e contribua com a troca de ideias. Não esqueça de compartilhar esse artigo com seus seguidores nas redes sociais.