Plano de comunicação pode auxiliar na estratégia da empresa

Deixar um comentário

Um bom plano de comunicação pode ser fundamental no planejamento estratégico das empresas. Esse documento estabelece que forma a comunicação organizacional interna vai assumir. Ele deve conter questões como objetivo, mensagem, abordagem, avaliação e outros temas importantes. O plano vai ajudar na definição dos objetivos de comunicação e na utilização dos meios adequados para chegar a esses resultados.

De acordo com a relações públicas Fabrise Müller, o plano de comunicação depende do planejamento estratégico de cada empresa. No entanto, para saber o que comunicar, é preciso saber claramente os objetivos da empresa e onde ela quer chegar.

A efetividade do plano de comunicação também depende de um trabalho conjunto, uma equipe capaz de somar conhecimentos das áreas de Relações Públicas, Publicidade e Propaganda e Jornalismo. “A ideia da comunicação integrada, pensando a empresa como um todo, é a receita do bom plano”, explica.

plano de comunicação
O plano de comunicação também deve abranger o relacionamento externo e até mesmo o contato com a imprensa. Foto: iStock, Getty Images

Ter um plano de comunicação bem definido também traz vantagens estratégicas para a empresa. Quando se trabalha com um plano previamente estabelecido, os cenários possíveis a serem enfrentados pela empresa já foram mapeados, desde as oportunidades até as ameaças. Ou seja, a empresa torna-se melhor preparada para as dinâmicas do ambiente.

Mesmo que os cenários mudem, é mais fácil readequar um plano do que começar do zero. O plano demanda pesquisa, avaliação e reflexão, o que permite que a empresa antecipe-se em relação aos concorrentes. “Às vezes, é mais fácil suspender determinada ação do plano do que criar uma nova de última hora, sem previsões”, alerta Fabrise.

Relacionamento com a imprensa no plano de comunicação

Para a elaboração adequada do plano, não são apenas os conceitos de comunicação interna que devem ser levados em conta. Ele precisa contemplar a empresa como um todo: o marketing, diretores e o trabalho de cada colaborador e todos os setores envolvidos.

Para Fabrise, o conceito fundamental é que todos estejam “por dentro” de tudo que acontece na empresa. “Não é uma tarefa fácil, mas envolver os grupos nas novidades faz com que todos se sintam parte da empresa e comprometam-se com a marca”, diz ela.

O plano de comunicação também deve abranger o relacionamento externo e até mesmo o contato com a imprensa. Um bom relacionamento com a mídia, sem cobranças, respeitando a liberdade de imprensa e sem pressões comerciais, é fundamental.

A empresa deve manter um canal de comunicação via releases e press kits, para ter uma visibilidade ainda maior, do mesmo modo que a comunicação interna ajuda na motivação da equipe e na diminuição da rotatividade do quadro funcional. “A comunicação tanto interna quanto externa tem papel fundamental, criando canais efetivos de informação e troca de ideias, valorizando cada um da empresa”, finaliza Fabrise.

O que um bom plano de comunicação contempla

Coerência e conhecimento da empresa

– Propor táticas e estratégias compatíveis com a realidade do mercado

– Perceber e entender a disponibilidade financeira da empresa para a comunicação

– Saber quais são os aspectos que devem ser priorizados

Distribuir de maneira correta as tarefas e as atividades

– Contar com o compromisso da direção com o setor de comunicação

Comentários

  1. Ju Guerra dice:

    Na minha opinião, para ser eficiente, o plano precisa ser discutido com a diretoria, e o profissional de comunicação precisa estar alinhado sempre com o CEO da empresa.