Sebrae e Santander viabilizam crédito para investir em franquias

Deixar um comentário

Conseguir o dinheiro necessário para iniciar e estruturar um negócio está entre as principais dificuldades encontradas pelos empreendedores. Para quem deseja investir em franquias e aproveitar o know how de uma marca já estabelecida, surge uma nova opção no mercado. Em julho de 2015 o Santander anunciou a oferta de até R$ 375 milhões em crédito para empresas desse segmento.

A alternativa se tornou possível a partir de uma parceira com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), que vai oferecer R$ 25 milhões de garantia, através do Fundo de Aval às Micro e Pequenas Empresas (Fampe). Com ele, mesmo os pequenos negócios passam a contar com acesso facilitado a financiamentos.

crédito para investir em franquias
Fampe oferece garantia para que mesmo empreendedores franqueados tenham acesso a financiamentos. Foto: iStock, Getty Images

Como vai funcionar a concessão de crédito para franquias

Para o diretor de inteligência de mercado da Associação Brasileira de Franchising (ABF), Claudio Tieghi, o acesso ao crédito em condições razoáveis é um desafio no Brasil, que vai além do mercado de franquias.

“Nesse sentido, as linhas de crédito com garantias do Fampe Franquias são grandes facilitadores no acesso a recursos, ainda mais em um período de maior fragilidade da economia”, opina Tieghi. Com o financiamento, é possível subsidiar novas instalações, realizar a troca de maquinário, fazer o reforço do estoque e até mesmo abrir novas unidades.

Ou seja, a grande vantagem de contar com o Fampe é a possibilidade, especialmente para aqueles que iniciam um empreendimento, de ter acesso a linhas mais competitivas de financiamento. Afinal, a garantia cobre até 80% do valor solicitado e serve como um complemento às exigências das instituições financeiras.

O convênio entre o Santander e o Sebrae tem duração inicial de cinco anos e será de atendimento exclusivo para clientes do banco que desejam investir em franquias e tenham um faturamento anual de até R$ 3,6 milhões. A expectativa é que, durante o período, sejam viabilizados até seis mil contratos, que podem ser solicitados diretamente nas agências do banco.

Por que investir em franquias

Conforme explica Tieghi, o momento é estratégico para que o setor de franquias se desenvolva ainda mais no país. Mesmo com o momento de instabilidade econômica e retração na maioria dos setores, ele ressalta que o franchising teve uma expansão de 11,2% no primeiro semestre do ano.

Só em 2014, o setor faturou R$ 128 bilhões, com geração de mais de um milhão de empregos diretos. Importante canal para a expansão da indústria e do varejo, a área é especialmente importante para jovens em início de carreira, que costumam encontrar nela o seu primeiro emprego.

Se você tem alguma dúvida ou sugestão sobre o assunto, deixe um comentário abaixo e contribua com a troca de ideias. Não esqueça de compartilhar esse artigo com seus amigos nas redes sociais.