Descubra como fazer uma empresa crescer em 5 passos

Deixar um comentário

Abrir uma filial, conquistar novos mercados ou cativar clientes de renome: a ambição pelo crescimento é comum entre os empreendedores que não se deixam acomodar. Mas como fazer uma empresa crescer de forma sustentável e segura? Confira algumas dicas para viabilizar essa expansão e não dar um passo maior que a perna.

Por que crescer?

Antes de pensar no que fazer para garantir o crescimento da empresa, é necessário justificar essa decisão. Sim, porque crescer nem sempre é a melhor estratégia. Se você tem uma cartela de clientes sólida, que lhe gera o retorno financeiro desejado todos os meses, será que vale a pena correr os riscos inerentes ao processo?

Além de manter o padrão de qualidade para não decepcionar os clientes fidelizados, você precisará investir para conquistar novos mercados, aumentar a produção e expandir a estrutura da empresa. O grande perigo é dar um passo maior que a perna, calculando a demanda de forma equivocada e assumindo financiamentos sem necessidade.

“Há muitas razões pelas quais algumas pequenas empresas conseguem crescer e outras falham na tentativa. É possível citar fatores externos, como tamanho de mercado, concorrência e demanda, e também fatores internos, como operacionalização e liderança”, explica Jay Goltz, especialista em pequenas empresas, em artigo publicado em sua coluna de empreendedorismo do jornal americano The New York Times.

como fazer uma empresa crescer
Buscar a satisfação do cliente é uma das melhores alternativas à disposição de quem pretende crescer. Foto: iStock, Getty Images

Como fazer uma empresa crescer

Selecionamos cinco dicas para você viabilizar o crescimento da sua empresa. Confira:

1. Atenção ao equilíbrio financeiro

O equilíbrio financeiro é fundamental para evitar que a ambição pelo crescimento se transforme em uma dor de cabeça. Para garantir o crescimento sustentável, é necessário identificar despesas e receitas, mantendo o fluxo de caixa sob controle. Mas não é tão simples: o capital de giro, o cronograma de pagamentos e recebimentos e os custos fixos e variáveis também merecem atenção na hora de projetar o crescimento.

2. Invista na análise de mercado

A análise de mercado permite entender o posicionamento dos seus concorrentes, o comportamento dos consumidores e as relações comerciais com os fornecedores. Dessa forma, você consegue identificar em detalhes os rumos do negócio, o que facilita a tomada de decisões.

3. Aposte na capacitação dos funcionários

Identifique os melhores funcionários de cada área da sua empresa e permita que eles repassem o conhecimento adquirido para os colaboradores que entraram há pouco tempo. Além disso, invista em cursos de capacitação e de liderança, porque isso ajuda a reter talentos e potencializa os resultados dos recursos humanos.

4. Garanta a satisfação do cliente

Quantas vezes você se tornou cliente de uma loja ou restaurante por indicação de um conhecido? A satisfação dos consumidores tende a criar um efeito positivo sobre as vendas, pois motiva recomendações espontâneas e fideliza a clientela.

5. Estipule metas de crescimento

Criar metas de crescimento pode fortalecer o engajamento da equipe e tornar o processo mais objetivo e dinâmico. Com base nos resultados dos últimos anos e no valor investido, estipule o valor percentual almejado para o crescimento. Por exemplo: se você pretende dobrar o tamanho da empresa em quatro anos, pode estabelecer a meta de crescimento anual de 25%.

Por fim, é importante lembrar que fazer uma empresa crescer ao patamar desejado é uma tarefa que pode levar tempo para ser concluída. Se você quiser ser bem-sucedido, precisará de paciência e, é claro, de uma boa dose de perseverança.

Se você tem alguma dúvida ou sugestão sobre o assunto, deixe um comentário abaixo e contribua com a troca de ideias. Não esqueça de compartilhar esse artigo com seus amigos nas redes sociais.