Empréstimo pode alavancar negócios e possibilitar crescimento

Deixar um comentário

Muitas pessoas associam empréstimo a endividamento. Mas, no caso de empresas com crescimento em potencial, essa tomada de crédito pode significar a expansão do negócio, o impulsionamento das vendas e um pagamento até antecipado da dívida, no melhor dos cenários.

Dicas para pedir empréstimo ou financiamento

Pedir empréstimo não é uma questão simples. Ela envolve uma equação complexa, cheia de fatores, que, bem ou mal calculada, pode determinar o futuro de uma pequena empresa.

empréstimo
A melhor modalidade de empréstimo ou financiamento deve ser levada em conta de acordo com cada necessidade. Foto: iStock, Getty Images

 

Por isso, conversamos com o consultor Eduardo Peres, da GlobalTrevo Consulting, para saber como agir diante dessa situação:

Evitar o endividamento excessivo, principalmente quando se tratar de uma empresa nova ou com pouco tempo de atuação no mercado.

– Ao abrir a empresa, o empreendedor precisa ter calculado todo o investimento necessário para os próximos 24 meses

– O capital de giro também deve ser levado em consideração.

– Observar e levar em conta o fluxo de caixa gerado neste período, assim como se poderá ou não investir do próprio bolso.

– O endividamento máximo não pode comprometer o fluxo de caixa.

Antes de tomar empréstimo

Antes de começar a acumular dívidas em função de um início de empreendimento mal planejado ou ainda comprometer as finanças futuras para tentar algum tipo de empréstimo para ampliar o negócio, o empreendedor deve estar consciente de qual tipo de financiamento deve tomar.

Para isso, alguns fatores importantes devem ser levados em consideração:

– O primeiro passo é verificar se o financiamento ou empréstimo é adequado à área de atuação do negócio.

– Algumas áreas específicas de atuação, como o agronegócio e a tecnologia da informação, contam com financiamentos especiais do governo. Se a sua empresa se encaixa em uma dessas áreas, vá atrás de crédito específico para o seu negócio. Esse tipo de crédito se deve à percepção de importância do seu ramo empresarial para o país.

– O fluxo de caixa projetado deve ser levado em conta.

– Existem várias linhas de financiamento para micro, pequenas e médias empresas. Antes de assumir qualquer dívida, vá atrás das informações para encontrar a melhor opção para o seu caso.

De acordo com a necessidade

Outro ponto importante, de acordo com Marcio Iavelberg, da Blue Numbers Consultoria Empresarial, é saber que a melhor modalidade de empréstimo ou financiamento deve ser levada em conta de acordo com cada necessidade, e não de acordo com a empresa.

Para uma necessidade de curto prazo, Iavelberg indica soluções de curto prazo, como cheque especial, conta garantida, Hot Money e capital de giro de curto prazo. Já para soluções de necessidade a longo prazo, o melhor é capital de giro com muitas prestações, como linhas de crédito especiais do governo.

O objetivo concreto do empréstimo ou financiamento também precisa ser levado em conta nessa hora: se é para compra de maquinário, expansão da estrutura física ou para capital de giro – tudo isso deve ser avaliado. Além disso, Iavelberg recomenda que o empreendedor conheça os valores, prazos, garantias e carências, além de ficar atento a juros altos e prazos muito esticados, que encarecem o empréstimo ou financiamento.

Comentários

  1. Carlos S dice:

    Antes de pedir um empréstimo, no entanto, é bom saber se é realmente necessário, já que crédito é sinônimo de dívida.