Empréstimos para autônomos: como encontrar as melhores condições

Deixar um comentário

Você trabalha como autônomo e precisa de dinheiro para expandir o negócio, atender melhor os clientes ou atuar em um novo segmento. Mas como aprovar o financiamento quando há dificuldade para comprovar a renda? Confira algumas dicas e saiba como encontrar as melhores condições nos empréstimos para autônomos, evitando os juros altos.

Oferecer garantias é desafio nos empréstimos para autonômos

Ao solicitar um empréstimo, o banco ou instituição financeira solicita uma comprovação de renda, para garantir que o solicitante tenha condições de cumprir suas obrigações no prazo determinado em contrato.

Quanto mais sólida for a situação financeira da pessoa que requisitou o empréstimo, menor será o risco do banco sair no prejuízo. Dessa maneira, é possível oferecer taxas e juros mais atrativos. Por esse motivo, funcionários públicos e aposentados costumam conseguir as melhores condições, pois têm uma renda estável e, teoricamente, segura.

como adquirir empréstimo para autônomos
Com margens de lucro menores, autônomos devem dedicar especial atenção à negociação de condições e taxas. Foto: iStock, Getty Images

É justamente aí que reside a dificuldade nos empréstimos para autônomos: como a renda não provém de um vínculo empregatício e não é necessariamente a mesma todos os meses, a tarefa de oferecer garantias para que o financiamento seja aprovado se torna mais complicada.

Para superar esse obstáculo, o autônomo precisa recorrer àquilo que está ao seu alcance. Declaração de impostos, extrato bancário e relatório da movimentação da conta corrente nos últimos meses são algumas das alternativas à disposição de quem não é assalariado e precisa comprovar a renda para aprovar o empréstimo.

A importância de pesquisar e negociar

Buscar as melhores condições de pagamento e os menores juros é a missão de todas as pessoas que desejam um empréstimo, sejam elas donas de casa interessadas em comprar uma nova geladeira ou grandes empresários buscando a expansão da companhia.

Mas encontrar as melhores taxas do mercado é especialmente importante para os autônomos, já que a sustentabilidade do negócio depende de cada centavo investido. Com margens de lucro menores, há menos espaço para errar.

Assim, antes de efetivar qualquer contrato, use seu poder de barganha e procure melhorar as condições. A paciência para negociar com diferentes instituições pode significar taxas melhores e condições mais acessíveis de pagamento. Para fazer isso, uma opção é apresentar as condições oferecidas pela concorrência ou estabelecer um vínculo com a instituição financeira – você solicita taxas menores e, em troca, torna-se correntista do banco.

São muitas as opções. O grande segredo é entender o posicionamento da instituição financeira e fechar um acordo que seja vantajoso para ambas as partes. Quando isso acontece, as chances de sucesso aumentam de forma significativa.

Atenção às propostas atraentes demais

Vale lembrar que o autônomo – assim como qualquer pessoa interessada em financiar um projeto – deve desconfiar das ofertas de dinheiro com condições atraentes demais, que destoam dos valores praticados pelo mercado de uma forma geral.

As chances de que a oferta seja uma armadilha ou um golpe financeiro aumentam quando os valores não se assemelham aos da concorrência. Ao oferecer crédito fácil a custo muito baixo, os criminosos seduzem os desavisados. A afobação tende a cobrar o seu preço.

Nesses casos, a dica é buscar o maior número de referências possível a respeito da instituição financeira em questão. Visite o website da empresa, procure conhecer seus clientes e não deixe de entrar em contato diretamente com eles antes de prosseguir com as negociações.

Atualmente, existem portais específicos para reclamações dos consumidores mal atendidos. Analisar a reputação da instituição pode poupar muita dor de cabeça – e até mesmo evitar prejuízo financeiro.

Se você tem alguma dúvida ou sugestão sobre o assunto, deixe um comentário abaixo e contribua com a troca de ideias. Não esqueça de compartilhar esse artigo com seus amigos nas redes sociais.

Matérias relacionadas

Veja 4 lições de liderança de Satoru Iwata, ex-presidente da Nintendo

Uber Brasil e a polêmica sobre o transporte nas grandes cidades

Conheça o ZeroPaper, aplicativo brasileiro de gestão financeira

Confira um passo a passo para fazer o registro de marcas

Como passar de tradutor a dono de agência de tradução