Veja 6 dicas para melhorar o controle financeiro da sua empresa

Deixar um comentário

Realizar o controle financeiro dentro de uma empresa nem sempre é uma tarefa das mais fáceis, especialmente se o empreendedor não tem grande experiência em gestão. Existem muitas questões a serem observadas, como o plano de negócios, o monitoramento do estoque, o pagamento de funcionários e fornecedores, entre outros. Diante disso, é comum surgirem muitas dúvidas.

Confira 6 dicas para controle financeiro empresarial

Para não se perder na hora de realizar o controle financeiro empresarial, vale a pena seguir alguns passos. Confira seis dicas que podem ajudar você nessa tarefa e veja como colocar isso em prática no seu negócio.

como fazer o controle financeiro
Controle financeiro correto na empresa passa por questões como gerenciamento de estoque e pagamento de taxas. Foto: iStock, Getty Images

Tenha um plano de negócios bem definido

O plano de negócios é o norteador de qualquer empreendimento, então certifique-se de que as coisas estão correndo conforme o planejamento traçado. Veja quanto dinheiro você vai precisar e saiba como ele será gasto. Desprender-se dele aos poucos tem pontos positivos e negativos, pois ao mesmo tempo em que você pode perder boas oportunidades, você também passa a correr mais riscos.

Descubra custos ocultos

Determinados custos nem sempre são fáceis de monitorar e, por isso, acabam ficando de fora do planejamento em alguns casos. Obtenções de licenças, gastos jurídicos e eventuais expansões da empresa são alguns exemplos, pois não são custos recorrentes. Monitore-os sem perder o controle das contas.

Certifique-se de que os clientes pagam a tempo

As empresas podem ter sérios problemas se os pagamentos dos clientes não acontecerem nos prazos corretos, pois isso implica uma série de outras dívidas que podem virar uma bola de neve, como o pagamento de fornecedores e outros custos básicos. Emitir faturas claras e precisas pode ajudar a diminuir as eventuais dúvidas de seus consumidores.

Cumpra prazos de pagamentos de taxas e impostos

Fique atento quanto aos prazos de pagamentos desses itens. Do contrário, isso pode reverter em multas e juros. Esses custos extras são desnecessários e atrapalham demais o planejamento financeiro da empresa. Mantenha todos os registros atualizados e cumpra essas obrigações sem atrasos.

Estabeleça prioridades

Lucro sempre é o objetivo principal das empresas, mas considere outras prioridades. O que mais você pretende realizar? Trace objetivos e leve em conta se você quer ver seu produto em todas as lojas, ou apenas em departamentos especializados, por exemplo. Expandir através de filiais ou criar franquias? Tudo isso deve ser pensado com cuidado e planejamento.

Controle o estoque

A eficiência no controle de estoque garante que você tenha a capacidade correta de armazenamento e também impede que você fique sem os produtos necessários. Isso está diretamente ligado ao controle financeiro, pois permite que você libere verba corretamente, ao mesmo tempo que tudo está disponível e dentro do planejamento.

Se você tem alguma dúvida ou sugestão sobre o assunto, deixe um comentário abaixo e contribua com a troca de ideias. Não esqueça de compartilhar esse artigo com seus amigos nas redes sociais.

Matérias relacionadas

Confira 5 ferramentas de gestão financeira para adotar em sua empresa

Descubra como fazer orçamento para sua empresa em 6 dicas

Saiba como fazer a conciliação bancária de entradas e saídas de sua empresa

4 motivos que podem levar o empreendedor a jogar a toalha

Conheça 6 erros financeiros comunse descubra como evitá-los

Saiba como fazer o controle do livro caixa para evitar problemas com a Receita