Atrair e reter talentos é condição para o sucesso da sua empresa

Deixar um comentário

Dezenas de currículos, horas de entrevistas, muitos perfis analisados e nenhuma definição: recrutar talentos é uma das grandes dificuldades de quem acaba de abrir uma empresa. Embora cada organização tenha suas particularidades no momento de contratar profissionais, encontrar mão de obra qualificada é um desafio geral.

O processo de recrutamento costuma ser árduo e cansativo. Para o fundador e membro do conselho de administração da Easy Taxi, Tallis Gomes, os profissionais bem qualificados são raros: “Contratar pessoas não é difícil – difícil é contratar gente boa”. Ele conta que, quando sua empresa começou a crescer, o maior desafio foi encontrar talentos.

Além disso, ele alerta que é preciso estar preparado para as decepções, mesmo após um recrutamento longo e árduo. “É um processo trabalhoso, de busca dessas pessoas, de entrevista, e depois que você faz o alinhamento da cultura, faz com que se transformem. Obviamente nem todo mundo vai se transformar e você vai ter que trocar”, explica Gomes.

talentos
Capacitação e qualificação são itens difíceis de encontrar no cenário atual quando se trata de recrutamento. Foto: iStock, Getty Images

Aprendendo a reconhecer talentos

Pior do que não encontrar profissionais diferenciados é não conseguir reconhecê-los em meio às dezenas de currículos. A percepção e a intuição do recrutador contam muito nesse momento. Entre as características desejadas, incluem-se:

– Elevada capacidade de aprendizagem

– Fácil resolução de problemas

– Grande capacidade de adaptação

– Talento e responsabilidade para tomada de decisões.

Se, além de tudo isso, você encontrar alguém capaz de transformar positivamente o ambiente em que trabalha devido à competência e ao comprometimento, parabéns: há uma joia em suas mãos.

Em um mercado tão competitivo, pode ser difícil alcançar o profissional do qual você precisa. Por esse motivo, uma boa opção é recorrer às agências de recrutamento. Dependendo do tamanho da lista de pessoas cadastradas, é possível delimitar o perfil em uma série de critérios, como proficiência em alguma língua estrangeira ou experiência no exterior.

Como atrair e reter talentos

Para conseguir os melhores profissionais do mercado, você precisará adotar uma série de posturas. Esteja ciente de que não será uma tarefa simples.

Aposte nos estagiários

Contratar talentos emergentes a poucos semestres da formatura tende a ser um excelente negócio. Depois de treinada, essa mão de obra pode ter mais condições de desempenhar papéis importantes na empresa que está crescendo. Você investe na formação do jovem e acaba formando um profissional competente e de confiança. Tudo isso a um custo relativamente baixo.

Diversifique as funções

Uma das grandes vantagens das pequenas empresas é a possibilidade de executar um rodízio entre os departamentos. Além de permitir descobrir as atividades em que o profissional é mais produtivo, essa característica concede uma bela oportunidade para quem procura experiência – o que torna sua empresa atraente.

Garanta um ambiente atrativo

Para reter os profissionais mais competentes, é necessário estimulá-los. Nesse contexto, um bom ambiente de trabalho é condição básica. O colaborador precisa perceber que é importante e deve se identificar com a organização.

Nesse sentido, as pequenas empresas também levam vantagem, pois a distância entre a equipe e os diretores é menor, o que facilita a interação e o feedback. Os funcionários participam mais das decisões, e a transparência aumenta.

Crie oportunidades de crescimento

É fundamental que a empresa estimule os talentos a explorarem ao máximo o seu potencial. Projetos desafiadores e inovadores atraem esse tipo de profissional. Não esqueça, ainda, de garantir reconhecimento profissional e financeiro à medida que as metas são alcançadas.

Seja carismático

Muita gente ignora essa recomendação, mas, para manter talentos na sua empresa, você terá de recorrer ao carisma. “O empreendedor tem que ser extremamente carismático a ponto de conseguir convencer outras pessoas a trabalhar com ele”, orienta Gomes.

Comentários

  1. JoaoCarlos dice:

    Uma boa política de motivação de funcionários e retenção de talentos é mais que necessária.