Sustentabilidade é oportunidade de negócio para startups

Deixar um comentário

“A melhor maneira de prever o futuro é inventá-lo”, disse o cientista da computação americano Alan Kay. A frase é excelente para empreendedores que enxergam o seu nicho de mercado preferencial saturado. Em uma época na qual a palavra sustentabilidade está cada vez mais na moda, a dica é especialmente útil.

Importância da sustentabilidade

Muitos dos recursos naturais que nossa sociedade utiliza para transformar em energia e em bens de consumo diversos são finitos – ou seja, um dia acabarão. Isso sem contar o lixo resultante da produção industrial e consumo, a poluição atmosférica e outras consequências ao meio ambiente. Cresce dia após dia, portanto, a necessidade de alternativas respeitando os preceitos da sustentabilidade.

“Empreendedores sustentáveis usam a imaginação em problemas desafiadores, para conceber, prototipar e criar soluções que agregam valor ambiental, social e econômico. Normalmente, empreendedores sustentáveis têm uma missão pessoal para fazer o mundo um lugar melhor para as pessoas ao seu redor”, define o livro Criando impacto! Manual de empreendedorismo sustentável, publicado pela Enviu, empresa holandesa especializada no pontapé inicial de startups de impacto social e ambiental.

sustentabilidade
Empresários conscientes são criativos ao lidar com problemas desafiadores e buscar soluções com valor ambiental. Foto: iStock, Getty Images

O que acontece é que, além de motivações pessoais e ideológicas, apostar na sustentabilidade é uma oportunidade de negócio. Em alguns casos, sequer é necessário desenvolver uma nova tecnologia – o que pode ser caro e exigir um certo conhecimento técnico. A criatividade pode ser usada para bolar uma plataforma que intermedeie o contato entre pessoas ou organizações com determinado interesse sustentável, por exemplo.

Para que você se inspire, separamos, abaixo, alguns exemplos de empresas, startups e projetos sociais que apostaram na sustentabilidade para fazer sucesso e, de quebra, ajudar o planeta.

Inovadores na sustentabilidade

Aplicativos

Como hoje quase todo mundo tem um smartphone, boa parte dos empreendedores de startups estão apostando nos aplicativos. Um exemplo de app sustentável é o Brng.it (disponível para iOS), que estimula os usuários a recusarem produtos descartáveis, que se tornarão lixo após um único uso.

Favela orgânica

O projeto Favela Orgânica nasceu no Rio de Janeiro, com o objetivo de promover uma grande mudança na relação dos moradores com a comida e o meio ambiente. Com oficinas e capacitações, a população é ensinada a aproveitar os alimentos completamente. São criadas, por exemplo, receitas premiadas, como risoto de casca de melancia, salada de talos e brigadeiro de casca de banana.

Hampton Creek

Essa é uma startup criada em São Francisco, que, assim como o projeto acima, foca na sustentabilidade na área da alimentação. A empresa cria ingredientes saudáveis, feitos apenas à base de plantas e com uma baixíssima pegada ecológica, mantendo o sabor das receitas originais.

Ecovative

Produtos feitos com bioplástico e outros materiais biodegradáveis e não tóxicos serão cada vez mais comuns. Essa empresa produz embalagens, isolamento térmico, componentes automotivos, pranchas de surfe e móveis feitos com cogumelos.

Sanergy

Essa empresa, que atua em Nairobi, no Quênia, tenta resolver um programa muito grave do local: a falta de saneamento básico. A companhia criou uma rede de coleta sanitária que conta com a ajuda da comunidade, e transforma o esgoto em fertilizantes e eletricidade.

Comentários

  1. JoaoCarlos dice:

    Inovação social é o que há. Fico contente em ver o uso crescente da tecnologia social pelas empresas pequenas e startups.