Você sabia? Checar e-mail de trabalho o tempo todo não é bom

Deixar um comentário

Se você fica checando o e-mail de trabalho após o término do expediente e até mesmo nos fins de semana, cuidado: isso pode ser um sinal de que você nunca se desliga de sua atividade profissional. Essa característica não é rara no mundo corporativo, afinal, com a tecnologia disponível atualmente, tanto funcionários quanto gestores estão conectados a todo instante.

Entretanto, não é saudável estar constantemente pensando em trabalho. É preciso encontrar um equilíbrio entre a vida profissional e as atividades de lazer e relaxamento, e a forma de fazer isso é permanecer um tempo desconectado da empresa. Caso contrário, o estresse e a diminuição da produtividade não tardarão a aparecer como consequências.

e-mail de trabalho
Estar sempre conferindo a caixa de entrada é sinal de que é preciso se desconectar um pouco do trabalho. Foto: iStock, Getty Images

 

E-mail de trabalho na hora certa

Pode parecer inofensivo o ato de verificar e-mail de trabalho inclusive quando você não está no horário de expediente, mas, na realidade, isso pode se refletir diretamente no desempenho.

Em artigo para a Harvard Business Review, Maura Thomas, palestrante e instrutora especializada em gerenciamento de atenção, afirma que percebeu como os e-mails fora de hora aceleram as culturas corporativas, reduzindo criatividade, inovação e real produtividade.

Maura, que também é autora do livro Personal Productivity Secrets, alerta para o fato de que, se esse comportamento é comum no seu caso, então você está perdendo a oportunidade de se distanciar do trabalho. Maura salienta que nunca se desconectar é um sintoma de um workaholic.

Mas a falta de produtividade não é a única consequência de estar conectado a todo minuto. A exaustão do trabalho e a falta de energia fazem até os profissionais interpretarem mal os que estão ao seu redor e tomar decisões equivocadas.

Por isso, desacelere: aproveite um tempo para descansar. Dessa forma, seu desempenho ficará melhor nos horários dedicados exclusivamente ao trabalho. Está precisando disso? Então, veja nossas dicas de como ficar longe do trabalho depois do expediente.

Dicas para se desconectar do trabalho

Como você pode ver, não faltam motivos para abandonar a obsessão de checar o e-mail de trabalho em seu período de folga. Por isso, reflita sobre seus objetivos profissionais e sobre o que você considera como sucesso.

Encontre o equilíbrio

Analise se realmente vale a pena abdicar de parte de sua vida, como família, amigos e atividades de lazer, para se dedicar exclusivamente à vida profissional. Dessa forma, tente encontrar um equilíbrio entre a vida pessoal e trabalho: uma forma de fazer isso é descobrir atividades que fazem você descontrair e relaxar.

Pequenas mudanças

Em artigo para a Harvard Business Review, Ron Friedman, fundador da ignite80, aconselha que os profissionais façam alterações modestas na rotina, em vez de tentar modificar todos os hábitos de trabalho. Segundo ele, deixar o smartphone em outro cômodo da casa quando você chega da empresa é uma boa opção, pois evita a tentação de conferir a caixa de entrada o tempo todo.

Outras medidas que o profissional pode tomar é se programar para que as respostas dos e-mails que enviou antes de sair do trabalho entrem apenas na parte da manhã e encontrar uma atividade de lazer para o tempo em que está fora do escritório, como a prática de esportes, por exemplo.

Recomendações para gestores

Se você é o líder, tenha em mente que suas atitudes têm reflexos na cultura da empresa. Mandar e-mail de trabalho à noite, por exemplo, pode fazer os funcionários se sentirem na obrigação de responder no mesmo turno – ou seja, também consultar a caixa de entrada fora do horário.

Para que as suas atitudes não prejudiquem a equipe, algumas medidas podem fazer a diferença:

Evite enviar tantos e-mails, principalmente à noite. Prefira divulgar determinadas informações em outros momentos, como em reuniões.

Incentive os funcionários a tirarem um tempo para se desconectar do trabalho e recarregar as energias.

– Deixe claras as suas expectativas em relação à troca de e-mails e à disponibilidade dos colaboradores. Dessa forma, eles não se sentirão na obrigação de checar a caixa de entrada constantemente.

Se você identificou que precisa descansar mais, aproveite para encontrar atividades que lhe façam bem e, depois do expediente, fique longe do e-mail de trabalho.

As dicas do artigo foram úteis? Então, compartilhe a publicação com os amigos nas redes sociais e deixe um comentário.

Matérias relacionadas:

Conheça os 6 erros mais comuns ao enviar um e-mail corporativo

Confira 5 insights para otimizar o envio de e-mail marketing

Limpe seus e-mails corporativos de frases e termos desnecessários

Saiba como obter melhores resultados ao enviar e-mail para clientes

Marketing digital: saiba como aumentar a lista de e-mails