Planejamento correto de logística pode aumentar rentabilidade do negócio

Deixar um comentário

Executar um bom planejamento de logística pode ser decisivo para o sucesso ou fracasso de um empreendimento. Em um comércio eletrônico, a estratégia correta ajuda a diminuir custos e maximizar os lucros da sua empresa, além de aumentar o número de clientes satisfeitos e, consequemente, que passarão a ser fieis a sua marca.

Para isso, é fundamental levar em consideração algumas questões muito importantes. Uma delas é detectar e organizar a lista de pedidos recebidos nos últimos meses. Com isso, o empreendedor pode mapear as regiões de atendimento, colocando as informações mais úteis (data do pedido, data da entrega, nome do cliente, etc.). Assim, fica mais fácil traçar planos de atendimento.

Outras dicas também devem ser observadas, tais como otimizar a relação da empresa com os correios, fazer parcerias com transportadoras e distribuidoras e fazer um monitoramento detalhado da entrega. Dessa forma, a empresa consegue evitar, ou minimizar, os danos causados por atrasos na entrega, que lideram com folga as estatísticas de insatisfação de clientes que utilizam e-commerce.

logística
Parcerias com transportadoras e otimização da relação com os correios são dicas importantes para gerenciar a logística. Foto: iStock, Getty Images

Logística reversa também é fundamental

Claro que a logística é importante para qualquer empresa, e a sua organização e execução é decisiva para uma boa impressão com o cliente. Mas outro ponto fundamental, que muitas vezes acaba sendo deixado em segundo plano – e atrapalhando demais as empresas – é a logística reversa.

Logística reversa é o processo de troca ou devolução do produto por parte do cliente para a loja, quando o cliente tem como retorno outro produto ou até mesmo o valor pago devolvido ou estornado.

A logística reversa muitas vezes acaba sendo uma operação que acarreta custos extras para a empresa. Justamente por isso, muitas vezes acaba sendo vista com maus olhos pelos empreendedores. Mas é obrigação das empresas atender a esse tipo de pedido, para atender à legislação do código do consumidor.

Não apenas por se tratar de um direito do consumidor, mas também por uma questão de respeito a um cliente que a empresa pretende fidelizar, o melhor a fazer é manter um relacionamento eficaz e sincero para não o perder. A desistência de uma compra não significa que o usuário não voltará à loja no futuro, especialmente se for bem atendido.

5 dicas importantes para a logística reversa

– Deixe claras as políticas de devolução da sua empresa, assim como contatos, telefones e sites em áreas de fácil acesso.

– Defina o que fazer com os produtos que serão devolvidos, já que eles não podem voltar a ser vendidos.

– Faça um estudo e um planejamento detalhado para esta área (o que fazer com os produtos, quais são os mais devolvidos) e estude os motivos recorrentes.

– Trate o cliente com a maior sinceridade e atenção possíveis, pois assim ele ainda poderá voltar a fazer negócios com você.

– Estude o tipo de coleta mais rentável para você e para seu negócio.

Comentários

  1. Carlos S dice:

    Eliminar custos com trajetos desnecessários é mais que necessário para boa saúde financeira de qualquer empresa.