Startup Chile aposta em ideias globais para incentivar desenvolvimento econômico

Deixar um comentário

No cenário do empreendedorismo mundial, um programa de aceleração e incentivo de startups latino-americano tem ganhado reconhecimento. É o Startup Chile, que, desde sua criação, em 2010, fomenta a inovação entre empreendedores de todo o globo, a partir da concessão de auxílio para a criação de empresas com potencial de crescimento rápido.

Desde o seu surgimento, a iniciativa pública tem sido promissora para a economia chilena, afinal, a importância da inovação e do empreendedorismo no setor financeiro recebe cada vez mais destaque. Inserido nesse contexto, o Startup Chile manifesta sua proposta: fazer com que o país seja o hub empresarial da América Latina – uma espécie de Vale do Silício da região.

Startup Chile
Programa de aceleração surgiu em 2010 e hoje é destaque internacional. Foto: iStock, Getty Images

Como funciona o Startup Chile

Para incentivar o desenvolvimento econômico no Chile e atrair empreendedores com potencial, o programa aposta em startups do mundo todo. Até agora, participantes de mais de 60 países receberam apoio equivalente a 40 mil dólares, valor que o Startup Chile oferece para cada negócio selecionado.

O governo oferece essa quantia em dinheiro sem adquirir participação acionária. Além disso, os empreendedores recebem visto de um ano para trabalhar no Chile, uma vez que são obrigados a permanecer no país por ao menos seis meses.

Selecionando projetos de diferentes segmentos, o programa governamental, promovido pela Corporação de Fomento da Produção (CORFO), atrai empreendedores para um único local: todas as startups apoiadas ficam localizadas em Santiago, capital do país.

Além do incentivo financeiro, as startups participantes recebem apoio técnico e de relações, contando com mentorias, rede de contatos e espaços de co-working. Até hoje, o programa fomentou projetos de mais de mil empreendedores, atraindo pessoas formadas por instituições renomadas – como Harvard e MIT – para o processo seletivo.

Startup Chile: empresas de sucesso

Com tantos projetos apoiados pelo programa, diversas startups entram no rol dos projetos que alcançaram êxito. Conheça três empresas que alcançaram o sucesso com a ajuda do Startup Chile.

Safer Taxi

Projeto de cofundadores da Argentina e Suíça, o Safer Taxi é hoje um aplicativo disponível em diferentes países, entre eles Estados Unidos, Brasil e Chile. Por meio dele, usuários podem solicitar serviço de táxi, acompanhar o percurso do motorista e fazer o pagamento por meio do smartphone, tornando o processo mais seguro.

Babelverse

A Babelverse é outro exemplo de startup que recebeu incentivo do programa chileno. Atualmente, o negócio criado por empreeendedores franceses é uma aplicação de tradução em qualquer idioma por voz em tempo real, contanto com uma comunidade global de intérpretes.

BiometryCloud

O serviço, criado por um chileno, é disponível para web e aplicações mobile. Por meio dele, é possível fazer o reconhecimento de rosto e imagem, útil para empresas que precisam verificar e validar dados.

Inspiração para novos programas

Depois de ter ganhado fama internacional, o Startup Chile foi motivo de inspiração para outros países, que criaram iniciativas parecidas a fim de estimular o empreendedorismo e a inovação.

Um exemplo é o Startup Brasil, desenvolvido em 2013 pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação brasileiro. Outros exemplos são o Startup Peru e o Startup Dinamarca.

Se você tem alguma dúvida ou sugestão sobre o assunto, deixe um comentário abaixo e contribua com a troca de ideias. Não esqueça de compartilhar esse artigo com seus amigos nas redes sociais.