Conheça os passos para abrir um negócio no México

Deixar um comentário

Quem está pensando em empreender no México deve se perguntar qual é a burocracia e quais são os passos para abrir um negócio no país. Confira nossas dicas e veja o que você precisa fazer para montar uma empresa no México

Tempo para abrir um negócio no México

O tempo que demora para abrir um negócio no México é de, em média, 6,3 dias. O dado é resultado da pesquisa Doing Business 2016, que avaliou a facilidade de se fazer negócios em 189 países.

Segundo o levantamento, o México fica na 65ª posição no ranking de países com maior facilidade de abrir uma empresa. O estudo mostra que o custo para abrir um novo negócio no país corresponde a 17,9% da renda per capita do país.

O México é um dos países da América Latina e Caribe que realizou o maior número de reformas nos últimos cinco anos para melhorar o clima de negócios no país.

Economia com o melhor ranking da região, o México implementou duas reformas durante 2014 nas áreas de obtenção de crédito e pagamento de impostos. Como resultado, o México melhorou seu ranking global e passou para a posição 38 entre as 189 economias avaliadas pelo relatório.

“Há vários bons exemplos na região, tais como o México que é uma das cinco economias ao nível global com o melhor ranking na área de obtenção de crédito, graças a um bureau de crédito que cobre toda a população e coleta todas as principais áreas de informação relevantes para avaliar a solvência creditícia dos emprestadores”, afirma Rita Ramalho, diretora do projeto Doing Business.

passos para abrir um negocio
México implementou reformas nas áreas de obtenção de crédito e pagamento de impostos. Foto: iStock, Getty Images

5 passos para abrir um negócio no México

Os passos para abrir um negócio no México foram reduzidos graças à diminuição da burocracia exigida para um criar uma empresa e iniciar um empreendimento no país na última década.

Confira a seguir os cinco passos para abrir um negócio no México.

1. Permissão para uso do solo

A permissão do uso do solo é responsabilidade de cada município. Os requisitos variam de acordo com cada estado, mas não é nada complexo. O trâmite dura cinco dias e a permissão tem uma vigência de dois anos, facilmente renováveis.

2. Aviso de declaração de abertura de estabelecimentos comerciais

Imediato e gratuito, em alguns estados pode ser realizado online. Assim, é só tirar o certificado, imprimi-lo e mantê-lo no estabelecimento.

3. Licenças de funcionamento

Negócios que envolvam venda de bebidas alcoólicas, como restaurantes, bares e hotéis, por exemplo, exigem um licença especial de funcionamento. O custo delas varia de acordo com cada estado e têm uma vigência de três anos.

4. Anúncios externos

Para colocar placas e anúncios externos, os empresários precisam pedir permissão ao município. O custo e tempo vão depender do tamanho deles.

5. Inscrição no Registro Federal de Contribuintes

Finalmente, o empreendedor precisa fazer um cadastro na Secretaria de Fazenda e Crédito Público.

Se você tem alguma dúvida ou sugestão sobre o assunto, deixe um comentário abaixo e contribua com a troca de ideias. Não esqueça de compartilhar esse artigo com seus seguidores nas redes sociais.