Conheça 6 boas práticas de recursos humanos para pequenas empresas

Deixar um comentário

Boas práticas de recursos humanos são essenciais para o seu negócio atrair e reter os melhores profissionais. Se você tem uma pequena empresa, não pense que investir na área é um gasto desnecessário. Pelo contrário: pode ser o diferencial para a organização dar um salto de qualidade. Confira seis dicas para a área.

Dicas de boas práticas em RH

  1. Envolva-se pessoalmente

Boas práticas de recursos humanos começam com o dono da empresa. Eventualmente você terá que contratar um diretor de recursos humanos especializado, mas ao se envolver pessoalmente em cada contratação, você poderá explicar como o negócio é gerido no tom que desejar. Empregados trabalham mais arduamente para empreendedores dedicados ao controle de qualidade.

boas práticas
Manter boas práticas de recursos humanos é essencial para atrair e reter os melhores profissionais em uma empresa. Foto: iStock, Getty Images
  1. Seja transparente

Clareza organizacional é essencial para manter talentos e gerir confrontos. Seja transparente sobre objetivos, filosofias, regras, cultura e expectativas da empresa. Não assuma que seus empregados saibam isso por instinto, comunique.

Transparência, respeito e serenidade são as principais armas para administrar conflitos. Se essas três características estiverem presentes na liderança, ainda que conflitos existam (e sempre existirão), diferenças poderão ser respeitadas e contornadas sem que haja maiores prejuízos”, diz Celia Spangher, diretora de Gestão do Talento da Maxim Consultores Associados.

  1. Dê feedback

Boas práticas de recursos humanos também passam por oferecer feedback constante para seus funcionários. Diga em que áreas precisam melhorar, mas não se esqueça de também elogiar. “Quando o funcionário está fazendo a coisa certa, o superior tem que observar, elogiar e reconhecer. Se a pessoa faz alguma coisa e não é percebida pelo superior, ela se desmotiva”, diz Professor Gretz, palestrante e especialista em gestão de recursos humanos.

A correta avaliação de desempenho também ajuda a evitar demissões desnecessárias. “Avaliação constante de desempenho deve ser focada no talento do funcionário, em vez da correção dos pontos fracos. Um bom plano de desenvolvimento ajuda a não chegar na demissão”, afirma Spangher.

  1. Ofereça oportunidades iguais

Boas práticas de recursos humanos também incluem ser justo e oferecer tratamento igualitário ao contratar novos funcionários e promover antigos. Não discrimine ou priorize ninguém por fatores como idade, gênero, raça, nacionalidade, religião e parentesco. Valorize sempre experiência e qualificação.

  1. Estimule desafios

Muitos empresários erram ao achar que a retenção de talentos e a motivação dos funcionários dependem da remuneração. Salário é importante, mas propor desafios e oferecer autonomia são ainda mais. “O que retém os talentos na organização tem mais a ver com autonomia e propósito do que com remuneração”, diz Spangher. “Abrace o seu colaborador, que ele abraça o seu cliente, e todos abraçam o negócio”, acrescenta.

  1. Seja líder e estimule lideranças

Como vimos, boa parte das boas práticas de recursos humanos dependem da capacidade e da qualidade de liderança do proprietário. À medida que a empresa vai crescendo, porém, é preciso delegar tarefas. Por isso, é essencial que lideranças sejam preparadas adequadamente.

Comentários

  1. Thaylise dice:

    Muitas PMEs ainda não possuem uma pessoa responsável pela gestão de pessoas, o que eu considero uma grande falha.