Veja por que medir índices de venda é fundamental para saber se o negócio vai bem

Deixar um comentário

Para saber se uma empresa está no caminho certo, o melhor caminho é fazendo a medição de determinados índices. Mas como saber o que medir? Não se trata apenas do volume de vendas ou do giro de estoque, embora ambas métricas sejam igualmente importantes. Há vários outros índices importantes a serem observados – conheça alguns deles abaixo.

A importância das métricas de vendas

Medir os gastos, desempenho e resultados da empresa é o passo fundamental para saber se seu negócio vai bem. Com um processo bem estruturado de definição e avaliação de métricas, é possível avaliar capacidades coletivas e individuais, projetar números e determinar possíveis melhorias na empresa.

Em artigo publicado na Forbes, o CEO da Varsity Tutors, Chuck Cohn, afirma que, depois que o empreendedor passa a utilizar as métricas em seu negócio, começa a vê-las como uma equação matemática. Nela, cada componente funciona como uma alavanca de negócio diferente, que impulsionará seu negócio se utilizada da maneira correta.

medir
Conversão de leads e cálculo do ticket médio estão entre as métricas de venda mais importantes para um negócio. Foto: iStock, Getty Images

Saiba quais métricas usar para medir o desempenho da empresa

Entre tantos índices e métricas diferentes para medir, é comum que o empreendedor fique em dúvida na hora de escolher exatamente quais observar. É preciso ressaltar que medir o volume de vendas não é suficiente. Pensando nisso, reunimos dicas de cinco métricas fundamentais para seu negócio.

Conversão de leads

Converter leads em vendas é fundamental para o sucesso de qualquer negócio. Imagine que, em um dia, 60 pessoas entraram em sua loja ou em seu site de e-commerce. Dessas, 15 compraram algum produto. Isso significa que sua taxa de conversão de leads é de 25%. Quanto maior este número, mais chances de sucesso tem o empreendimento.

Medir esse índice ajuda a identificar se determinadas medidas – como promoções, investimentos em marketing, atendimento, mudanças no layout da loja, etc. – estão fazendo o efeito desejado, ou seja, aumentando a conversão de potenciais clientes em clientes de fato.

Qualidade do lead

Você conseguirá converter leads em vendas de maneira proporcional à qualidade oferecida. Para melhorar os leads, você deve identificar que tipo de contato deve ser feito com o potencial cliente, para aperfeiçoá-los de acordo com a necessidade do seu negócio.

Questões como demanda, volume de pedidos e até mesmo fidelidade dos clientes já conquistados pela sua loja ajudam a determinar os leads de vendas. Medir estes índices ajudará a manter ou otimizar a qualidade dos leads.

Valor médio da transação

Também chamado de ticket médio, o valor médio da transação representa uma média do valor gasto por todos os clientes que frequentam sua loja. É importante medir o ticket pois, ao fazer isso, é possível prever quanto será necessário para abastecer o estoque, ou para antecipar o fluxo de caixa dentro de determinada margem de tempo. Enquanto muitas empresas concentram seus esforços em obter mais clientes, aumentar o ticket médio pode ser um atalho para lucrar mais.

Custo de aquisição do cliente

Até que a venda para um novo cliente esteja consolidada, quanto você e sua loja precisam se esforçar para isso? Este índice inclui questões administrativas, de trabalho, de divulgação e de marketing. O ideal é que o custo de aquisição seja muito menor do que o valor de vida do cliente. Se você medir o índice e o valor de vida for pelo menos três vezes maior do que o de aquisição, significa que está no caminho certo.

Negócios fechados

O índice de negócios fechados representa o final do fluxo estabelecido pelo funil de vendas. Saber quantos clientes ficaram pelo caminho ao longo deste percurso pode ajudar você a aumentar esse número, qualificando outros aspectos do seu negócio, para que menos público seja perdido no funil.