Saiba o que é payback e como calculá-lo

Deixar um comentário

Abrir uma empresa definitivamente não é uma decisão fácil. Entre variáveis e investimentos que o negócio exige, a incerteza está entre as principais preocupações dos empreendedores. É justamente por isso que você precisa saber o que é payback e como aplicá-lo.

Payback é um cálculo que, apesar de simples, ajuda muito na hora de definir o que esperar dos primeiros anos da empresa. Ou seja, diminui as chances de que você se iluda esperando um retorno que pode não chegar tão cedo.

o que é payback
O payback ajuda a evitar que a sua empresa vá a falência por falta de planejamento. Foto: iStock, Getty Images

Afinal, o que é payback?

Quem explica o que é payback é Gabriele Ferreira, diretora financeira da ADM Soluções. Segundo ela, trata-se do cálculo do prazo para que o valor do investimento inicial seja superado em retorno. Ou seja, em quanto tempo o empreendimento chegará no ponto de equilíbrio.

Quanto maior for esse período, mais alto também se torna o grau de incerteza da empreitada. Afinal, propostas de investimentos com um prazo menor de retorno tendem a oferecer maior liquidez, o que diminui o risco de quebra financeira.

Como calcular o payback

Para fazer o cálculo do payback de uma empresa, basta somar os fluxos de caixa líquidos esperados para cada ano até que seja atingido o valor do custo inicial que foi aplicado para que negócio tivesse início.

Quando as entradas líquidas de caixa forem uniformes, é só dividir o investimento inicial pelas entradas de caixa. Porém, essa não costuma ser a realidade para a maioria das empresas. Nos casos em que elas são desiguais, é preciso somar o valor acumulado, mês a mês, até que o retorno seja uma realidade.

Assim, você se antecipa a possíveis problemas e minimiza as chances de contar com surpresas desagradáveis pelo caminho. Assim, o planejamento estratégico se torna uma realidade e fica mais fácil atrair investidores externos, que terão mais informações sobre a segurança do negócio.

Agora que você já sabe o que é payback, Gabriele traz um exemplo que pode ajudar na compreensão: suponha que você teve um investimento inicial de $ 150 mil, um fluxo de caixa igual de $ 57.900 em cinco anos e uma taxa de descontos de 18% ao ano.

Agora é preciso descontar a porcentagem de cada fluxo de caixa, a partir da fórmula (1+0,18)j, em que j é o ano a ser calculado. Para o primeiro, divida $ 57.900 por (1+0,18)1. O resultado é um caixa ajustado de $ 49.068.

Repita a operação para os próximo anos. Na tabela a seguir você confere todos os dados que fazem parte da análise:

  Ano     Caixa anual ($)     Caixa ajustado ($)     Caixa acumulado ajustado ($)  
0 -150.000 -150.000
1 57.900 49.068 -100.932
2 57.900 41.583 -59.349
3 57.900 35.240 -24.109
4 57.900 29.864 5.755
5 57.900 25.309 31.064

De acordo com os números, o payback fica entre o terceiro e o quarto ano, como ilustra o caixa acumulado ajustado. Para calcular o valor exato, aplique os dados na fórmula:

Payback = ano do último caixa negativo + último valor negativo / primeiro caixa positivo x número total de meses

Payback = 3 + 24.109 / 29.864 x 12

Payback = 3,9 anos

Se você tem alguma dúvida ou sugestão sobre o assunto, deixe um comentário abaixo e contribua com a troca de ideias. Não esqueça de compartilhar esse artigo com seus amigos nas redes sociais.

Matérias relacionadas