Coffee truck é aposta da Nestlé para conquistar o varejo de café no México

Deixar um comentário

Os food trucks são uma grande sensação em muitos países da América Latina. Neles, é possível vender comida de modo itinerante. Além da vantagem de aproveitar um público ávido por novidades, pode-se deslocar o ponto de venda estrategicamente. Na esteira dessa onda, vieram carrinhos que vendem bebidas, como milk shakes, cervejas e até cafés – o chamado coffee truck.

Em geral, esse mercado é dominado por novos empreendedores, que apostam em vender pratos diferenciados – gourmet – para competir com outros negócios já estabelecidos. O mesmo vale para o coffee truck. Há vários negócios do tipo em cidades da América Latina, que apostam na oferta de variedades gourmet da bebida para competir com grandes cafeterias.

Contudo, engana-se quem pensa que este mercado é restrito apenas aos pequenos. Também há empresas realmente grandes apostando nele, como é o caso do projeto de microfranquias de coffee truck da Nestlé no México.  Saiba mais a seguir.

coffee truck
Nestlé usará os coffee trucks para tentar conquistar o mercado de varejo de café no México. Foto: iStock, Getty Images

Aposta em coffee truck

De acordo com Philipp Navratil, vice-presidente da Nestlé no México, há quatro grandes tendências no mercado de café que dão suporte à aposta no segmento de coffee trucks: mais café está sendo consumido fora de casa; o consumidor está buscando café mais sofisticado, assim como bebidas mais doces e com mais leite; e está crescendo a demanda entre os mais jovens.

“O que queremos fazer é abrir cafeterias. Não vão ser 400 como a concorrência, mas estabelecimentos em locais estratégicos, para rejuvenescer a marca, e também coffee trucks“, disse Navratil para a revista Forbes México.

Por trás da aposta da Nestlé em coffe trucks, também está o desejo de conquistar espaço no varejo de café no México. Apesar de ser uma das maiores produtoras de café do mundo, a marca suíça ainda não é um player forte nesse mercado.

No México, onde movimenta mais de US$ 680 milhões ao ano, o segmento de cafeterias é dominado pela rede americana Starbucks, que detém 2,6% do mercado, seguida pelas redes Café Punta del Cielo, com 12,9%, e The Italian Coffee Company, com 11%.

Por outro lado, a Nestlé, com suas várias marcas (como Nescafé e Dolca), detém quase 65% do mercado de café solúvel do mundo, o que lhe dá todas as credenciais necessárias para galgar rapidamente este espaço.

Microfranquia de coffe trucks

Para aumentar sua participação no mercado mexicano do varejo de café, além de lançar cafeterias próprias – como já possui em países como Brasil, Japão, Chile e Estados Unidos -, a Nestlé entrará no mercado de coffee truck através do programa de microfranquias chamado Carrito Cafetero Nescafé, que venderá café expresso em espaços públicos.

“Nós estamos em estandes de tamales e quiosques, mas queremos promover nossa presença muito mais. Nós vamos ver o Nescafé não apenas em casas ou em supermercados, mas vamos vê-lo mais nas ruas do México“, disse Navratil.

Para entrar no negócio de coffee truck da Nestlé, o investimento inicial é de 50 mil pesos mexicanos, e a expectativa é que as vendas possam alcançar até 120 mil pesos mensais.

Se você tem alguma dúvida ou sugestão sobre o assunto, deixe um comentário abaixo e contribua com a troca de ideias. Não esqueça de compartilhar esse artigo com seus seguidores nas redes sociais.

Matérias relacionadas:

Conheça 5 referências mundiais para abrir um café

Confira ideias de negócio para atrair o público jovem

Food bikes: conheça a nova tendência das ruas de São Paulo

Comida gourmet: food trucks são tendência no mercado latino-americano